7 Dicas para Planejar uma Viagem Internacional em 2017

como planejar uma viagem internacional

Para onde você vai?

Seja a passeio, a trabalho ou para se mudar de vez, fazer uma viagem internacional exige muito planejamento.

É preciso começar a organizar tudo com bastante antecedência se quiser conseguir os melhores preços e ter uma boa experiência.

Preparei, então, algumas dicas para ajudar com tudo que você precisa saber para planejar uma viagem internacional.

Venha ver!

Definido seu cronograma de viagem

Cronograma é o planejamento e organização do seu tempo e calendário.

Nem todo mundo gosta de fazer um cronograma, mas ele é crucial para otimizar sua viagem, ainda mais uma internacional.

Planejar o seu tempo é fazê-lo render!

Vamos dizer que você pretende passar um mês fora e, nesse meio tempo, pretende visitar cinco cidades diferentes.

Para organizar tudo isto prepare um cronograma para o mês que estará fora e comece por marcar a data de partida e retorno

Se a viagem envolve mais que um trecho de ida e outro de volta, marque cada dia que precisar fazer um deslocamento.

Pode ser avião, trem, ônibus, bicicleta – o importante é manter o controle.

Caso já tenha uma noção da distribuição de tempo entre os lugares que vai passar, marque os dias no seu cronograma.

Se gosta de usar papel e caneta ou vai fazer seu cronograma pelo computador, sugiro que use cores diferentes para cada cidade, para deixar a visualização mais clara e rápida quando precisar consultar.

Sempre que precisar fazer alguma alteração, não esqueça de marcar no cronograma.

Isto é importante para conseguir se planejar, não se perder e aproveitar melhor a sua viagem.

Reunindo a documentação necessária para uma viagem internacional

Se você é brasileiro e pretende visitar países integrantes do Mercosul, não precisa apresentar passaporte e pode viajar apenas com a identidade (RG).

Mas atenção: o RG não pode ter mais de 10 anos de emissão! Se o seu está “fora do prazo”, procure tirar a segunda via antes ou você poderá ter de voltar para trás.

Por outro lado, se pretende viajar para outros continentes ou países que não façam parte do Mercosul, você vai precisar de um passaporte e, em alguns países, de um visto.

Passaporte e Visto: Qual a diferença?

O passaporte é a sua identidade internacional, emitido pelo seu país de origem. No Brasil, é emitido pelo Departamento da Polícia Federal.

Visto é à permissão de entrada em determinado país e é emitido pela representação diplomática do país de destino no seu país (por exemplo, Embaixada de Itália no Brasil).

Cada um tem seu próprio passaporte, é um documento pessoal como o RG, mas o visto pode ter muitas categorias e dependerá da finalidade da sua viagem (estudos, trabalho, residência, permanência temporária, pesquisa, etc).

O passaporte brasileiro é, na verdade, um dos que mais “abre portas” do mundo e te dá acesso a muitos países sem precisar de visto – para viagens de turismo.

É preciso procurar no site da embaixada do país que pretende visitar se eles exigem VISTO para a finalidade da sua viagem ou se poderá entrar apenas com o passaporte.

  • CUSTO E PRAZO DO PASSAPORTE: o passaporte brasileiro tem validade de 10 anos e custa R$257,25. Pode levar até 90 dias para ficar pronto, dependendo da região de emissão. Geralmente, sai em menos de 30 dias.
  • CUSTO E PRAZO DO VISTO: isso dependerá do tipo de visto e cada embaixada estipula seus respectivos preços. Consulte o site oficial da embaixada do seu país de destino para saber o preço fixado para cada visto.

Passaportes para menores precisam da autorização de ambos os pais e têm validade diferente dos passaportes adultos.

Especialmente para crianças abaixo dos 3 anos, a validade é bem reduzida e está fixada em tabela no site do Departamento da Polícia Federal. Clique aqui para checar a documentação necessária para emissão.

Comprando suas passagens aéreas

O ideal para viagens internacionais é comprar as passagens com seis meses de antecedência.

Mais que isso não é recomendado, pois o voo pode sofrer muitas alterações desagradáveis sem aviso prévio e menos que isso pode encarecer bastante as passagens.

Listei algumas dicas para ajudar a economizar nas passagens, veja só:

  • Evite a alta estação

Os meses de férias são, obviamente, os mais procurados e por isso mesmo os preços estarão altíssimos.

Evite viajar em Dezembro e Janeiro ou Junho e Julho. Por outro lado, os meses de Maio e Setembro podem ser boas opções!

  • Procure voos ao meio da semana

Procurar voos que partem numa segunda-feira e voltam num domingo sempre são os mais caros.

Procure voos que tem partida/chegada na quarta ou quinta-feira e veja como os preços são consideravelmente mais baixos!

  • Prefira voos com conexões

Voos diretos são exponencialmente mais caros. Voos com conexões podem parecer mais cansativos, mas na maioria das vezes as conexões são só o tempo de trocar de aeronave ou fazer um lanche.

E se demorar um pouco pode ser uma oportunidade de conhecer mais um lugar. Então não é tão custoso e sai muito mais barato!

Imagem 4
  • Use sites de pesquisas coletivas e compre direto com a companhia

Agências de viagens sempre serão as opções mais caras (a não ser que você queira um pacote de 5 ou 7 dias, que pode até compensar).

Use sites como o 123MilhasMaxMilhas e Vooper que pesquisam e comparam os preços de várias companhias e sites e listam as suas opções.

Alguns sites até permitem ver a variação de preço conforme temporada e dia, o que facilitará muito a sua compra.

Depois de escolher a passagem perfeita, compre direto no site da companhia para evitar as taxas de serviço dos sites.

  • Programas de milhas

Hoje existem diversos programas de milhagens para quem usa o cartão de crédito com frequência.

As milhas são pontos que o consumidor recebe ao realizar compras de determinados valores e vai acumulando no programa de fidelidades.

Depois, pode usar esses pontos para conseguir descontos ou mesmo comprar passagens inteiras pagando em milhas.

Na verdade, já existe um mercado inteiro de compra e venda de milhas para passagens aéreas.

Gente que tem muitas milhas acumuladas e vende por um preço mais acessível. Se está com pressa para comprar as passagens, as milhas são uma boa opção.

Viajando de ônibus – economize nos bilhetes

Caso sua viagem seja de ônibus uma boa forma de economizar nos bilhetes é através de sites de comparação de preços como o ClickBus.

La no ClickBus além de pesquisar horários das linhas, assim como nos sites de passagens de aéreas. é possível achar bilhetes de ônibus  com um bom desconto.

Seguro de Viagem Internacional

Algumas companhias aéreas oferecem o Seguro de Viagem no momento da compra da passagem, mas você também pode contratar por uma empresa privada.

O seguro é exigido em alguns países como condição para entrar na fronteira e pode ser dispensável em outros, mas é recomendável para sua própria segurança. Nunca se sabe quando vamos precisar!

Se vai para a Europa, por exemplo, todos os 27 países da zona Schengen exigem o Seguro de Viagem Internacional. Você poderá ser solicitado a apresentá-lo à autoridade de fronteira no desembarque do aeroporto.

seguro viagem internacional

O que você precisa observar ao contratar um Seguro de Viagem Internacional:

  • Cobertura do seguro
  • Regras relativas às doenças que já existem
  • Procedimentos para casos urgência e emergência
  • Preço específico para cada cobertura
  • Indenização
  • Repatriação funerária
  • Assistência médica
  • Atendimento no seu idioma

Como Reservar o Hotel ao planejar uma Viagem

Eis mais um motivo para fazer o cronograma: conseguir programar suas reservas de hotéis.

Existem muitas alternativas de acomodações diferentes e cada tem seu preço.

Aqui vai algumas dicas para economizar na hora de reservar os hotéis:

  • Considere os albergues

Se você está viajando sozinhos, albergues podem ser opções muito mais baratas. Na Europa, por exemplo, enquanto uma diária de hotel com meia-pensão ronde os 35 a 50 euros, uma diária com meia-pensão no albergue custa entre 10 a 20 euros.

O albergue não é uma acomodação privada, mas tem opções com apenas quatro camas e com banheiro no quarto, o que pode ser mais cômodo.

Lembre-se que: você só precisa de um lugar para dormir, não vai necessariamente morar no albergue.

Os albergues da juventude são ótimas opções e estão no mundo, caso você tenha idade para ser um membro afiliado;

  • Pesquise em sites que comparam preços

Sites como o Booking, Hotel HurbanoTrivago, e TripAdvisor pesquisam e comparam preços de hotéis e albergues na sua cidade de destino.

Eles também mostram as avaliações de outros compradores, o que pode ser muito útil para saber as condições das acomodações, o serviço de atendimento e a localização a partir dali.

  • Alugue a casa de um nativo

Se vai viajar em família, alugar uma casa para passar o período de estadia pode sair muito mais barato que pagar diárias individuais de hotel para cada membro. Para isso, você pode usar sites como o AirBNB ou mesmo a OLX e pesquisar os anúncios.

  • Observe a localização do hotel/albergues

Quanto mais centrais, mais caros serão. Entretanto, alguns lugares têm uma excelente mobilidade urbana e, sabendo disso, pode valer a pena economizar ficando num hotel mais afastado do centro, mas com uma estação de metrô ou trem próxima.

Além disso, a possibilidade de ser uma zona mais tranquila para dormir e trafegar é bem mais alta que hotéis centrais.

Dica final: Conheça o app Destination on Google

Destination on Google é o mais novo recurso do Google para ajudar a planejar uma viagem.

Não é preciso baixar ou instalar qualquer programa, basta digitar o lugar para onde vai e escrever “destination” depois.

Esta ferramenta ainda está em teste e por enquanto só funciona para pesquisas em inglês nos dispositivos móveis.

Segundo o Google o destinations trará resultados para facilitar seu planejamento, como: busca por hotéis, transportes, pacotes de turismo, mapas, etc.

Veja um vídeo da ferramenta de planejamento de viagens do Google

Bom amigo, por hoje era isto. Espero que este artigo possa lhe ajudar a planejar uma viagem internacional e tornar está experiencia mais fácil.

Qualquer duvida estamos aí. Boa viagem!

America do Sul em Promoção